Sashimi-Culinária Japonesa

Receita de Sashimi -Culinária Japonesa

O Sashimi é um prato muito fácil de fazer e muito saboroso, o diferencial em relação aos outros pratos de comida japonesa é que não leva arroz.

Assim, o segredo dessa receita está basicamente na forma correta dos cortes, para isso é necessário ter facas apropriadas e principalmente bem afiadas.

Uma dica para quem quer realmente investir seria adquirir a faca de chef – 8 polegadas que é uma faca mais leve e apropriada para fatiar o sashimi.

É também muito importante também que o peixe não seja congelado, mas que esteja fresco.

 Nesse caso, fizemos um artigo específico sobre escolher peixe se deseja aprender mais sobre isso clique aqui.

Outro ponto fundamental é a temperatura do peixe, deve ser mantido em temperatura de 4 a 7 graus até o momento de preparar e servir. O ideal é servir imediatamente após o preparo

Tipos de Sashimi

Os tipos de carnes que geralmente se usa em um sashimi são: salmão, atum, tilápia e polvo.

  • Salmão – Geralmente se usa as costas do salmão, lembrando que o peixe deve estar uma cor viva, a carne deve estar firme e sem odor desagradável.
  • Atum – A cor de uma carne saudável de atum é avermelhada, os que possuem mais gorduras agregam mais sabor ao prato.
  • Tilápia – Deve ser clarinha sem odor e também ter a carne bem firme
  • Polvo – Também fica muito saboroso no sashimi, no entanto ele precisa ser previamente cozido.

Preparando:

Salmão

Primeiramente você deve preparar o peixe retirando todas as aparas laterais deixando com altura de aproximadamente 2 cm e largura de 4cm.o

Feito isso passe a mão delicadamente procurando restos de espinhas e retire-as com um pinça.

Então comece a fatiar o salmão de lentamente na diagonal lembrando sempre nesse processo de observar se ainda há algum resquício de espinha.

O corte deve ser sem interrupções para que não danifique a estrutura do peixe, pois, acaba atrapalhando a estética e o sabor do prato.

Aprenda fatiar corretamente – Clique Aqui e se Inscreva no Nosso Canal – Sentiríamos Honrados por Ter Você!

Atum

No preparo do Atum se segue basicamente os mesmos passos do Salmão descritos acima. Ressaltando, porém, que no caso do atum o corte pode ser reto ou na diagonal.

 No caso do atum fica mais agradável quando se corta pedaços um pouco mais finos.

Corte Reto para Sashimi de Atum

Tilapia

Esse é a opção mais barata, a tilapia, mas, não perde em nada no sabor.

Prepare o pedaço de peixe que você irá trabalhar. Retire as partes mais escuras e também algumas aparas nas laterais.

Assim, vamos ao fatiamento. No caso da tilapia pode ser feito de duas maneiras: na diagonal e também em fatias bem finas como se fosse fazer um carpaccio.

Polvo

Como citado anteriormente você irá precisar preparar previamente o polvo. Então a dica é:

Coloque água para ferver, o suficiente para cobrir o polvo. Para 2 quilos de Polvo acrescente 100g de nabo, suco de um limão, 30g de chá verde ou shoyu.

Deixe todos os ingredientes fervendo por cerca de 8 a 10 minutos.

Retire separe os tentáculos e deixe esfriar. Então siga o mesmo processo de fatiamento, os tentáculos devem ser cortados na diagonal.

Aqui a grande dica é não fazer um corte contínuo como no caso dos peixes, é interessante fazer os cortes com movimentos de vai e vem, tipo serrando mesmo, assim, ele irá absorver melhor os molhos.

Hora de servir

Como se trata de peixe cru é muito importante servir junto com o Sashimi o Wasab (ou raiz forte) é um ingrediente importante para eliminar as bactérias do peixe.

Pode ser encontrado facilmente em lojas que vende produtos de culinária japonesa e também encontra-se a venda na internet.

Não pode faltar também na hora de servir seus convidados um potinho com o famoso molho shoyu.

Quando vai servir tipos de peixes variados em uma única refeição é comum servir junto o Gari, pois, e deve ser consumido entre um tipo de peixe e outro para limpar o paladar.

O Gari trata-se de gengibre ralado em lascas bem finas e temperado. Para preparar você irá precisar de:

  • 1 gengibre novo, 1  ½ de vinagre de arroz, 1 ½ de açúcar
  • Rale-o em fatias bem finas. Coloque o gengibre ralado em uma peneira, acrescente uma colher de sal e deixe desidratando por aproximadamente 1 hora.
  • Logo após seque o gengibre em um papel toalha e reserve-o em um recipiente.
  • Em uma panela coloque o vinagre e o açúcar e mexa até o açúcar derreter.
  • Agora acrescente essa mistura ainda quente no recipiente do gengibre, espere  esfriar e leve à geladeira.  Após o preparo deve-se aguardar um dia para consumir.

Gostou das dicas? Comente abaixo, compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *